09/09/16

Filipe Abranches em sequência mínima | exposição



 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Neste próximo Sábado, dia 10, no Passevite, um colectivo realmente criativo, abre a exposição sequência mínima, uma mostra de desenhos de Filipe Abranches, provenientes de projectos de banda-desenhada. A exposição tem entrada livre e ficará patente até dia 29 de Setembro. 

 

Sobre o assunto escreve Pedro Moura: A noção principal que ordena esta mostra de trabalhos de Filipe Abranches entrosa-se com algumas preocupações teóricas que partilho e que se pode expressar por aquela pergunta anterior [Como pensar o mínimo indispensável na banda desenhada?]. Que mínimo existirá para falarmos de banda desenhada? Bastará apontar a elementos como vinhetas, precisando de duas que entram em alianças sequenciais uma com a outra? Serão precisos balões de fala, para introduzir um tempo, agência à personagem, diálogo com o leitor? Terá a ver com a gestão do tempo de leitura ou terá a ver com um efeito estrutural?. (continua)